7 de ago de 2008

"Ô, que samba bom
Ô, que coisa louca (na Glória)
Eu também tô aí
Tô aí, que é que há
Também tô nessa boca"

Depois dos sucessos "O samba é minha nobreza", "Lembranças cariocas", "Dois bicudos", "Cachaça dá samba" e o espetacular "Sassaricando", o cantor Pedro Paulo Malta estréia hoje em novo grupo, o Samba Bom, inspirado no samba homônimo de Geraldo Pereira, cujos versos abrem esse post de divulgação.

A roda de samba inaugural é hoje no Trapiche Gamboa, onde eles vão se apresentar todas as quintas. O Samba Bom nasce sob a batuta do mestre Luís Filipe de Lima (que está no estaleiro, mas em breve, estará recuperado e de volta à labuta. Em seu lugar hoje, o 7 cordas Nando Duarte), e será acompanhado pelos feras João Callado (cavaquinho), Alexandre Maionese (flauta, tamborim e voz), Beto Cazes e Fábio Cazes (percussões).

O furdunço começa sempre às 21h, com três sets de uma hora e intervalo de 30 minutos. O Trapiche fica na Sacadura Cabral, 155, Praça Mauá. O telefone é 21 2516-0868.

2 comentários:

Marcelo Moutinho disse...

Poxa, poxa. Hoje é a abertura da conferência da OAB. MAs nas próximas edições, eue F. estaremos lá! Merda pra vc, Pepê!

A digestora metanóica disse...

Vejo vocês na próxima quinta então!